Sistemas de rede da TI da área médica - Sistemas computadorizados para hospitais | NETSCOUT

Sistemas de redes de informática do setor de assistência médica

A indústria de assistência médica está passando por uma tremenda mudança, devido à automatização do tratamento de pacientes, o que vem causando impactos enormes nas organizações de TI. O sistema inteiro que controla a interação entre profissionais de saúde e os pacientes está evoluindo dramaticamente, e terá um vasto impacto na maneira como um hospital faz negócios.

Em vez de rastrear os pacientes com uma pasta de arquivos e prancheta, muitos hospitais e clínicas estão tendo que adotar o uso de Registros Médicos Eletrônicos (EMR). Um sistema inteiramente implementado de EMR permite o armazenamento, recuperação e modificação eletrônica de informações de pacientes, permitindo que os departamentos dentro da organização de saúde colaborem ao proporcionar o tratamento. Nos hospitais e clínicas, estes sistemas de EMR com suporte federal (nos Estados Unidos e no Canadá) substituirão centenas de aplicativos diferentes usados por médicos, pelo pessoal de radiologia e mesmo pelas administrações dos hospitais. Há uma pressão tremenda sobre os departamentos de TI para implementarem e dar suporte a sistemas de EMR, permitindo que os hospitais e as clínicas se valham dos programas de incentivo e do dinheiro de estímulos.

Os departamentos da radiologia estão eliminando o antigo equipamento baseado em filmes e estão, agora, usando Sistemas de Arquivamento e Comunicação de Imagens (PACS) para armazenar, exibir e transferir eletronicamente imagens digitais de grande porte para qualquer departamento ou organização que possa precisar deles. As clínicas estão tendendo para o software como um serviço (SaaS) e serviços de hosting remoto para suporte a esses sistemas de pacientes, ao invés de arcar com a despesa de levá-los para suas instalações.

A mobilidade continua a tender a aumentar na assistência médica, porque os médicos empregam tablets na cabeceira dos pacientes para acessar os sistemas de Entrada de Pedidos Médicos Computadorizados (CPOE). Estes pedidos são comunicados pela rede à equipe de funcionários médica em outros departamentos, tais como a radiologia, dando lhes instruções do tratamento de um paciente específico. Depois que estas imagens de grande porte são capturadas, elas são armazenadas e colocadas à disposição para análise pelo médico, mesmo no quarto do paciente.

Quarto de hospital com dispositivo sem fios

Historicamente, poucas organizações da assistência médica empregam uma equipe de engenheiros da rede altamente capazes para proporcionar serviços de TI, simplesmente porque não eram necessários. Agora, todo o sistema de saúde pública está sendo vinculado digitalmente, colocando uma carga maior na rede do que nunca antes. Os hospitais terão uma necessidade tremenda de engenheiros de TI experientes para implementar e dar suporte ao aumento nos requisitos de volume e da segurança de dados de sistemas de EMR. Esses engenheiros precisarão compreender as necessidades do processo e do negócio da assistência médica, além da tecnologia.

Com a implementação dos regulamentos de EMR, alguns hospitais e clínicas irão fechar, devido ao fato de não poderem arcar com os recursos para atingir a conformidade. Isto resultará em grandes fusões de hospitais, que terão impactos enormes nos engenheiros de TI, quando eles tentarem combinar sistemas diferentes de acompanhamento de pacientes, e sem nenhum tempo ocioso. O acesso a sistemas críticos de EMR e de CPOE será exigido para todos os pontos do hospital, assim como para organizações afiliadas, usando a WAN. O volume de tráfego em redes hospitalares continuará a aumentar até novos níveis, com os engenheiros da rede lutando para assegurar que a infraestrutura da rede possa acompanhar o ritmo.

Os problemas de desempenho de aplicativos enfrentados pela recepção na frente e atrás do hospital, ou nos quartos dos pacientes se tornarão mais do que apenas um inconveniente: eles poderão ameaçar vidas. Isto significa que os engenheiros precisarão ser mais do que solucionadores de problemas reativos. Eles precisarão monitorar o sistema de forma proativa e entrar em ação quando ocorrer uma degradação de desempenho, antes que ela impacte os médicos e o tratamento do paciente.

Considerações chaves

Se uma organização de TI de assistência médica não fizer as mudanças necessárias ao suporte de EMR e CPOE, ela não sobreviverá aos próximos anos. Em muitos hospitais, implementar o sistema de EMR internamente exigirá uma revisão na infraestrutura da rede, nos data warehouse e nos servidores de aplicativos. Em vez de de arcar com essa despesa maciça, alguns hospitais estão considerando o uso de serviços híbridos ou privados de nuvem para hospedar o sistema de EMR. Independentemente da forma como o serviço é hospedado, digitalizar dados pacientes e torná-los seguros e acessíveis para provedores de serviços de saúde é uma tarefa enorme... Como será feita a fusão dos dados durante uma aquisição de hospital? Que organizações afiliadas fora do hospital precisarão ter acesso aos dados dos pacientes? Como a TI compartilhará esses dados sem violar a conformidade com os regulamentos da segurança? A infraestrutura está pronta para um enorme aumento na carga de tráfego? Se um hospital ou uma clínica estiver sofrendo problemas de desempenho, isso terá um impacto na capacidade dos médicos de fornecerem tratamento ao paciente de forma eficiente, o que pode fazer com que os pacientes procurem outro local, o que resultará em uma perda de rendimento para o hospital.

Na parte sem fio, os hospitais há muito estão na dianteira no uso de tablets de suporte e outros dispositivos sem fio. Entretanto, uma vez que estes são usados por médicos e enfermeiros para impulsionar sistemas de EMR, CPOE e para o cuidado básico aos pacientes, o aumento no volume de dados e requisitos da segurança irão sobrecarregar a infraestrutura sem fio, levando-a a seus limites de throughput e cobertura. Este será, especialmente, o caso quando imagens médicas de grandes porte, tais como ressonâncias magnéticas e raios X forem acessados do quarto do paciente. Com o influxo de dispositivos de pacientes, tais como iPads e smartphones, as organizações precisarão considerar como podem fornecer acesso de convidados e, ao mesmo tempo, manter a largura de banda para o equipamento crítico do hospital.

Melhores práticas da indústria de redes de informática para assistência médica

A TI da assistência médica precisa manter o funcionamento e o desempenho para a rede e os aplicativos durante essas reformas vitais da assistência médica. A melhor maneira de fazer isso é assegurar que visibilidade máxima no máximo de pontos de contato da rede possível, e reagir a problemas e ameaças ao desempenho antes que impactem sistemas complexos. Para serviços in-house ou servidores de nuvem que suportam EMR e CPOE, a análise de aplicativos automatizada com estatísticas de tempo de resposta do usuário final ajudarão os engenheiros de rede a serem dinâmicas em perceber a degradação de desempenho antes dela ter um impacto sobre médicos, enfermeiros e pacientes. Quando uma problema inesperado ocorrer, os dispositivos de captura de fluxo-para-disco permitirão aos engenheiros isolarem rapidamente a causa raiz, mesmo para problemas que ocorreram no passado.

O crescimento do acesso sem fio no mercado da assistência médica não está mostrando qualquer sinal de diminuir. Para abordar essa questão, as organizações de TI precisam de um sistema de análise de ambientes sem fio inteiramente implementado, que possa monitorar ameaças à segurança e identificar pontos problemáticos nos dispositivos do hospital. Além disso, ferramentas sem fio móveis são vitais na identificação e resolução de problemas de interferência, conectividade ruim durante roaming e na resolução de problemas com qualidade de sinal.

Armado com a visibilidade correta, as organizações de TI de assistência médica estarão melhor equipadas para gerenciar e manter o mais complexo, dinâmico e estimulante ambiente do setor.

Soluções relacionadas

OptiView® XG Network Analysis Tablet
O OptiView XG fornece visibilidade incomparável do servidor e do desempenho do aplicativo, da saúde da infraestrutura de rede, da utilização do link, e da saúde do serviço de rede. O tablet de análise é equipado com uma interface de 10Gig, que permite a verificação do link com o teste da capacidade da taxa da linha, assim como uma captura de pacotes sem perda. Os recursos de análise de trajeto e teste de rede com 1 clique permitem que que seja identificado um trajeto através da rede e que ele seja analisado, isolando-se os pontos problemáticos de um único lina. As dependências dos aplicativos podem ser determinadas e testadas usando-se o ClearSight Analyzer e o recurso Application Infrastructure. O AirMagnet Analyzer, Spectrum XT, e o Planner também disponíveis no OPV XG são essenciais para identificar e resolver problema no ambiente sem fio, especialmente ao preparar-se para BYOD.

 

OptiView XG

Network Time Machine™
O Network Time Machine permite que os engenheiros da rede mantenham controle sobre desempenho de aplicativos, mesmo nos ambientes com alta largura de banda que suportam milhares de usuários, ao mesmo tempo fornecendo detalhes a nível de pacotes para os eventos que ocorreram no passado. O recurso Atlas busca automaticamente em Terabyte de dados de pacotes armazenados, procurando períodos de desempenho degradado para aplicativos e serviços críticos de VoIP.

 

Network Time Machine

Visual Performance Manager™/Application Performance Appliance
O Visual Performance Manager é um sistema unificado que proporciona serviço de inteligência empresarial, para ajudar as organizações a fornecer serviços comerciais de forma efetiva. O Visual Performance Manager abrange toda a infraestrutura de fornecimento de arquiteturas de aplicativos multi-estratificadas complexas em rede em toda a empresa distribuída, incluindo ambientes virtualizados e de nuvem. Exibições de painel personalizadas podem ser configuradas para exibir componentes críticos para o desempenho dos aplicativos e isolamento de problemas nTier.

 

Visual Performance Manager-Application Performance Appliance

TruView™
O TruView é um único appliance de análise que aproveita as fontes de dados-chave, como a inspeção de pacotes, a análise de transações, o Netflow e o SNMP para apresentar uma visão correlacionada do desempenho da rede e dos aplicativos em uma única exibição em painel, fácil de ser compreendida. Estes painéis são essenciais em qualquer ambiente de TI para se fazer uma análise da causa raiz com apenas um clique para compreender e resolver rapidamente problemas de desempenho. O TruView calibra-se automaticamente de acordo com as linhas de base de desempenho, mesmo em locais remotos. Os painéis simples e a inspeção profunda de pacotes permitem a colaboração entre as equipes de operação e engenharia de rede, no caso de haver um problema, fornecendo a elas os dados críticos necessários para resolvê-lo.

 

TruView Appliance

AirMagnet Enterprise v10
Esta solução “olhos no céu” monitora as redes sem fio da empresa, à procura de ameaças ao desempenho e à segurança 24/7, alertando os engenheiros da rede quando um problema aparece. Este sistema é projetado para analisar e oferecer suporte a BYOD, já que uma solução móvel não pode estar em toda parte o tempo todo. Os sensores instalados em todo o sistema garantem que a visibilidade da rede sem fio seja fornecida em todas as partes da rede.

 

AirMagnet Enterprise

AirMagnet Wi-Fi Analyzer
O AirMagnet WiFi Analyzer é a ferramenta padrão do setor para auditoria móvel e resolução de problemas de redes Wi-Fi empresariais. Os técnicos e engenheiros da rede também são equipados com os dados críticos necessários para resolver rapidamente problemas do usuário final, ao mesmo tempo que detectam automaticamente as ameaças da segurança e vulnerabilidades da rede sem fio. O AirMagnet WiFi identifica os dispositivos BYOD, permitindo que a equipe de TI fique à frente dos usuários quando estes se conectam à rede com telefones e tablets. O recurso AirWise na placa dá alertas de problemas de desempenho e segurança, permitindo que os técnicos resolvam problemas sem a necessidade de treinamento especializado em RF.

O AirMagnet Analyzer está disponível no OptiView XG Analysis Tablet ou como um produto independente.

 

AirMagnet Enterprise

AirMagnet Survey 
O AirMagnet Survey é a solução mais precisa do setor para planejar e projetar 802.11redes sem fio a/b/g/n para desempenho ótimo. Esta ferramenta é ideal para identificar a quantidade, a colocação, e a configuração de pontos de acesso para uma implementação completa de rádio de alta largura de banda. Esta ferramenta é um componente crítico para toda a empresa encarregada com o suporte de acesso sem fio para dispositivos sem fio fornecidos pela empresa, assim como para dispositivos BYOD.

 

AirMagnet Survey 

 

Recursos relacionados

A NETSCOUT proporciona muitos recursos para ajudar nossos clientes a resolverem desafios dos Sistemas de Rede de Computadores do Setor de Assistência Médica. Alguns exigem um registro simples. Veja uma lista completa dos Webcasts, Resumos técnicos e notas de aplicativos para outros tópicos.

 

Casos de sucesso

História de Sucesso na TI de Cuidados Médicos
Uma sessão de perguntas e respostas com Roger Estelle, gerente de rede na Hawaii Health Systems
A história de sucesso da Everett Clinic
Uma sessão de perguntas e respostas rápidas com Donald Lester, Gerente de rede e telecomunicações

 

Estudos de caso:

Centro de pesquisa de câncer Fred Hutchinson
Ao mesmo tempo que o Center IT não desperdiça bastante tempo em problemas sem fio, usa o tempo nas queixas dos usuários, lidando com configurações para novos usuários e convidados e, conforme a instituição cresce, se voltam para problemas de infraestrutura.
Hospira
Com diversos clientes hospitalares espalhados pela América do Norte, fornecer uma conectividade sem fio para o equipamento médico crítico é literalmente um assunto de vida e morte para a Hospira.
Hospital Passavant
O OneTouch™ AT da NETSCOUT substitui a coleção imensa de ferramentas de resolução de problemas da rede para o hospital de Passavant.
Providence Hospital
O AirCheck está em ação no Providence Hospital tornando faz problemas sem fio rápidos e simples de serem diagnosticados. Em menos de cinco minutos, a equipe de hardware completa a solução de problemas que levaria até 45 minutos com um laptop.

 

Soluções do produto:

AirMagnet Enterprise v10
Confíe e verifique em sua WLAN com o AirMagnet Enterprise.
TruView™
Um único enfoque à monitoração e identificação e resolução de problemas unificados de desempenho de aplicativos
 
 
 
Powered By OneLink