Estudo de Caso: O OptiView® XG da NetScout paga dividendos para a rede de TI da Borsa Istanbul | enterprise.netscout.com

Estudo de Caso: O OptiView® XG da NetScout paga dividendos para a rede de TI da Borsa Istanbul

 
 
 
Visão geral:

Cliente:

Borsa Istanbul

 

Mercado:

Mercado financeiro

 

Local:

Istambul, Turquia

 
 

Desafio:

A Borsa Istambul A.S. foi estabelecida no final de 2012 para reunir as três existentes bolsas de valores em Istambul. Isso exigiu grandes mudanças na infraestrutura de TI e um investimento significativo em rede e software. Atendendo 150-220 corretoras, e com aproximadamente 1.200 pessoas se conectando à sua LAN todos os dias, a Borsa Istambul precisava de um meio de garantir que seus sistemas de TI suportassem o aumento de tráfego e velocidade da rede e identificassem e corrigissem de modo rápido quaisquer problemas que surgissem.

 

 

Resultado:

A Borsa Istanbul usa o tablet OptiView XG Network Analysis, da NetScout, diariamente para monitorar o desempenho de sua rede e solucionar problemas imediatamente assim que surgirem. O dispositivo móvel permite que os profissionais de TI da Borsa examinem problemas na origem e avaliem se a rede está funcionando na velocidade necessária. Além de permitir que a equipe de TI escute todo o tráfego da rede, o OptiView XG oferece análise inteligente que ajuda a enxergar além da dificuldade imediata para identificar a causa raiz dos problemas e implementar uma solução eficaz.

 

Produto:

NetScout OptiView XG

 

"O OptiView XG é um produto de nicho que aborda uma necessidade particular. Está provado ser extremamente confiável e sabemos que podemos confiar nele para identificar a causa raiz de problemas de desempenho de rede".

Visão geral

A Borsa Istambul A. S. foi fundada em dezembro de 2012 para reunir todas as transações no mercado de capitais turco: a bolsa de valores de Istambul, a bolsa de ouro e a bolsa de derivativos. A instituição pretende se tornar uma bolsa de valores líder, refletindo o potencial da Turquia em termos de número de empresas de capital aberto e mercado de capitalização, com uma tecnologia interna de transação de classe mundial que permite, entre outras coisas, vínculos com outros mercados. Borsa Istambul começou suas operações comerciais em abril 2013 e emprega em torno de 650 pessoas.

Desafios

A empresa, que formou a base da Borsa Istanbul, opera há 20 anos. Integrar os três mercados exigiu um grande investimento na mesma infraestrutura, com mudanças significativas tanto de rede quanto de software. Borsa Istambul tem que fornecer ao seu crescente número de investidores uma plataforma de negociação rápida e expansível, alinhada a padrões globais e permitindo a negociação simultânea de diferentes ativos. Também tem de satisfazer os mais altos níveis de governança e conformidade com padrões financeiros internacionais.

Menos de um ano após sua formação, Borsa Istambul tem 1.000 km de cabo de cobre e uma ampla rede de fibra. 150-220 corretoras acessam a bolsa através de sua WAN, que requer um total próximo a 400 conexões para fornecer redundância total para cada cliente. A bolsa possui 500-600 usuários destas corretoras, assim como seu próprio 650 pessoal, por isso, até 1.200 pessoas se conectam à sua LAN todos os dias. Ela executa uma série de aplicações financeiras especializadas e está desenvolvendo seu próprio software, bem como planeja implementar tecnologias de mercado da NASDAQ OMX para negociação, compensação, vigilância do mercado e gestão de riscos.

Com sua extensa rede e pesado tráfego diário, o intercâmbio de informações de natureza altamente segura e sensível ao tempo, Borsa Istambul precisava de uma maneira para monitorar o desempenho da rede e solucionar quaisquer problemas rapidamente, para evitar afetar a negociação na bolsa. O contínuo alto desempenho é vital para ajudar a bolsa a manter a confiança entre seus usuários e atingir seu crescimento planejado.

Kamber Aydin, especialista em redes sênior da Borsa Istanbul, explica: "Tudo o que fazemos é TI, é por isso que temos uma grande equipe de TI. Seis meses atrás, nós empregávamos apenas 60 pessoas no departamento de TI – agora temos 150. As contínuas alterações à nossa infra-estrutura de TI mostraram que precisávamos de um dispositivo que nos permitisse monitorar o desempenho da rede e certificar que tudo estava funcionando perfeitamente em todos os momentos.

"Nós tínhamos usado antes um equipamento de teste de uma empresa turca para medir o desempenho e solucionar os problemas que surgissem. Eu queria algo semelhante, que pudesse lidar com o ambiente de negociação mais complexo que estávamos agora operando e também lidar com altas velocidades de rede".

Solução

Borsa Istambul avaliou produtos de vários fornecedores antes de escolher o OptiView XG, da NetScout, que é o primeiro tablet projetado especificamente para o engenheiro de rede. Ele automatiza a análise da causa raiz dos problemas de rede e de aplicativos, permitindo que o usuário gaste menos tempo tentando identificar e resolver problemas e proporcionando mais tempo para outras iniciativas. O navegador de rede e a análise de caminho gráfico fornecem uma visão instantânea de conexões entre comutadores e dispositivos, permitindo que o usuário mapeie a rede e rastreie a origem dos problemas rapidamente.

"Um dos nossos principais requisitos foi a capacidade de suportar velocidades mais altas de rede, que tinham aumentado de 1 Gbps para 10 Gbps e, no futuro, poderiam chegar a 40 Gbps", explica Kamber. "O OptiView XG permite isso e tinha relação custo-benefício muito melhor do que as alternativas que analisamos".

Kamber usa o OptiView XG diariamente para verificar o desempenho da rede e para medir conexões com a internet, para descobrir se a velocidade de conexão é suficiente ou se há um gargalo. O dispositivo lhe ajuda a responder rapidamente os pedidos de suporte e a resolver problemas na sua fonte. Ele também oferece a capacidade de monitorar as redes sem fio através da mesma interface, que é um recurso que Borsa Istanbul adicionará em breve, a fim de gerenciar o ambiente sem fio da organização, bem como sua rede cabeada.

"No momento eu sou o único a usar o OptiView XG porque meus colegas estão extremamente ocupados em outros projetos", disse Kamber. "No entanto, estão ansiosos para usá-lo no futuro. Os gráficos e GUI são simples, permitindo que eles aprendam a usá-lo rapidamente.


Resultados

Uma das principais vantagens do OptiView XG é permitir levar o tablet diretamente à fonte do problema. Quando o Help Desk alerta Kamber que parte da rede está lenta, ele imediatamente vai para a área afetada e conecta o OptiView XG. Então, ele pode ouvir todo o tráfego de rede e usar a análise inteligente do dispositivo para identificar a origem do problema. Um dos principais benefícios é que ele irá procurar por todos os problemas na rede – não só aquele que foi apontado, mas também os problemas subjacentes que, caso contrário, poderiam não ter sido detectados.

"Em uma ocasião, recentemente, ele nos permitiu resolver dois problemas de uma vez!", Kamber explica. "Conectei o OptiView XG para ver uma questão e descobri que parte do problema era um loop de software que tinha sido criado acidentalmente e estava causando um gargalo naquela parte da rede. Se nós não tivéssemos o encontrado, poderia continuar a causar problemas por um longo tempo. Depois de identificar a causa raiz, meus colegas foram capazes de alterar o software e removemos a fonte do gargalo.

"O OptiView XG é um produto de nicho que aborda uma necessidade particular. Está provado ser extremamente confiável e sabemos que podemos confiar nele para identificar a causa raiz de problemas de desempenho de rede".


 
 
 
Powered By OneLink