Estudo de Caso: A FloraHolland confia no TruView™ para monitorar a rede e os aplicativos responsáveis pelo leilão de 12,5 bilhões de plantas e flores, todos os anos | enterprise.netscout.com

Estudo de Caso: A FloraHolland confia no TruView™ para monitorar a rede e os aplicativos responsáveis pelo leilão de 12,5 bilhões de plantas e flores, todos os anos

Visão geral:

Cliente:

FloraHolland


Mercado:

Mercado e leilão internacionais


Local:

Holanda


Desafio:

A FloraHolland está no centro do comércio internacional de flores, vendendo mais de 20.000 tipos diferentes de plantas e flores em leilão e processando 12,5 bilhões de itens e US$ 4,4 bilhões a cada ano. O tamanho e o impacto notáveis de FloraHolland exigem operações contínuas com a tolerância zero para atrasos ou tempo ocioso no desempenho da rede. A FloraHolland recentemente encontrou um atraso do tempo de resposta entre o banco de dados e o relógio do leilão. O atraso retardava a exibição das informações do relógio em até dois segundos entre cada leilão, um tempo demasiado longo neste ambiente. A equipe de TI precisava de um mecanismo para localizar o problema e determinar se a causa-razi se encontrava no banco de dados, no aplicativo ou na rede.

 


Resultado:

O TruView™ identificou imediatamente o banco de dados como a causa-raiz, porque estava levando um segundo ou dois a mais para processar a solicitação e a resposta. A FloraHolland conseguiu aperfeiçoar a base de dados e reparar o problema sem esforço desperdiçado, revisando a rede e os aplicativos revê a rede e os aplicativos, já que o problema foi isolado imediatamente. Estes resultados tão importantes economizam para a FloraHolland duas horas de atrasos acumulados todos os anos, representando $200.000 em economias anuais e em uma imagem melhorada de tipo para suas operações.


Produto:

NETSCOUT TruView™

"Os Países Baixos são o berço da floricultura, e essa liderança está se expandindo com a digitalização e virtualização das redes de leilão. O TruView garante que os Países Baixos e a FloraHolland mantenham nossa posição de liderança no fornecimento de plantas e flores para o mundo. Da próxima vez que você desfrutar de uma flor, é muito possível que o TruView tenha colaborado para a experiência". -Leo de Waard, engenheiro de sistemas de rede da FloraHolland.


Visão geral

A FloraHolland está no centro do comércio internacional de flores. A organização cooperativa ppera 38 mercados internacionais de leilão cronometrado para seus mais de 5.000 membros. Estes mercados vendem mais de 20.000 tipos diferentes de plantas e flores em leilão e processando 12,5 bilhões de itens e US$ 4,4 bilhões a cada ano.

FloraHolland e sua Greenport empregam diretamente 4.000 pessoas, mas têm um impacto muito mais amplo na economia geral holandesa. No total, a Greenport é uma das três principais portas econômicas (juntamente com o aeroporto de Schiphol e o porto de Roterdam) e é responsável por 20 por cento do superávit comercial holandês.

Desafios

O tamanho e o impacto notáveis de FloraHolland exigem operações contínuas com a tolerância zero para atrasos ou tempo ocioso no desempenho da rede. As expectativas de desempenho são elevadas para a equipe de TI da FloraHolland e sua rede.

"A FloraHolland se baseia em tempos ótimos de resposta de rede para nossos aplicativos de leilão e bancos de dados para apresentar, rastrear e vender plantas e flores o mais rapidamente possível", disse Leo de Waard, engenheiro de sistemas de rede da FloraHolland. "Quando um produto é vendido, é preciso ser capaz de mostrar o próximo item imediatamente. O tempo é importante e nós não podemos desperdiçá-lo com passos desnecessários de resolução de problemas."

Em um ambiente de leilão cronometrado, plantas e flores são levados para um quarto para serem ofertados a compradores tanto pessoalmente quanto online. Um banco de dados envia informações para o relógio, que exibe o produto, quantidade, preço e tempo restante do leilão. Os licitantes apertam um botão para comprar flores baseadas no preço exibido no relógio nesse momento específico. Assim que o produto é vendido, um novo produto é exibido o mais rapidamente possível.

Infelizmente, a FloraHolland recentemente encontrou um atraso do tempo de resposta entre o banco de dados e o relógio do leilão. O atraso retardava a exibição das informações do relógio em até dois segundos entre cada leilão, um tempo demasiado longo neste ambiente. A equipe de TI precisava de um mecanismo para localizar o problema e determinar se a causa-razi se encontrava no banco de dados, no aplicativo ou na rede. Isso foi mais fácil falar do que fazer na época, devido aos complexos bancos de dados e aplicativos desenvolvidos pela organização.

"Um atraso de alguns segundos é inaceitável quando estamos leiloando mais de 50 milhões de itens todos os dias, aos licitantes no local e internacionais", disse de Waard. "Tempo literalmente se traduz em dinheiro na FloraHolland, então fazemos o possível para atenuar atrasos".

Solução

A FloraHolland avaliou várias tecnologias antes de implementar uma solução unificad de monitoramento e resolução de problemas de rede e de aplicativos TruView, da NETSCOUT. A FloraHolland implantou TruView para monitorar e solucionar problemas de redes de backbone e do mercado. A rede de backbone é composta por dois comutadores centrais, dois comutadores conectados ao servidor e cinco comutadores de distribuição. Esta infraestrutura fornece a energia para aplicativos e bancos de dados criados pela organização. A rede de backbone está conectada à rede do mercado, que fornece energia a todos os leilões através de inúmeras conexões para dispositivos de licitação presencial e aplicativos online para leilão.

O TruView usa conjuntos de dados chaves (incluindo pacote de armazenamento, tempo de resposta do aplicativo, decodificação transacional, NetFlow e SNMP) para destacar as métricas de desempenho em um único painel de controle. A visão abrangente do desempenho de rede e do aplicativo fornece à Flora Holland uma imagem clara de onde os problemas se originam, pelas redes do backbone e de mercado.

"O TruView rastreia as redes e dispositivos para todas as atividades do leilão", disse de Waard. "Não faz diferença qual é o problema ou onde ele começa, nos dando acesso imediato a toda a nossa infra-estrutura. A economia de tempo de resposta é fenomenal".

Resultados

A FloraHolland usou o TruView para solucionar seus atrasos entre leilões. O desempenho é monitorado pela solução, desde a consulta de dados do aplicativo através da rede para o banco de dados e vice-versa. O TruView identificou imediatamente o banco de dados como a causa-raiz, porque estava levando um segundo ou dois a mais para processar a solicitação e a resposta. A equipe de TI da FloraHolland otimizou o banco de dados e reparou o problema sem esforço desperdiçado, revisando toda a rede e todos os aplicativos, já que o problema foi isolado imediatamente.

O TruView fornece visibilidade à rede, aplicações e bancos de dados da FloraHolland, com uma única solução, para que a equipe de TI da organização não perca tempo para localizar desnecessariamente onde os problemas se originam. Estes resultados economizam para a FloraHolland duas horas de atrasos acumulados todos os anos, representando US$ 200.000 em economias anuais e em uma melhor imagem de marca para suas operações.

"Os Países Baixos são o berço da floricultura, e essa liderança está se expandindo com a digitalização e virtualização das redes de leilão", disse Leo de Waard, engenheiro de sistemas de rede da FloraHolland. "O TruView garante que os Países Baixos e a FloraHolland mantenham nossa posição de liderança no fornecimento de plantas e flores para o mundo. Da próxima vez que você desfrutar de uma flor, é muito possível que o TruView tenha colaborado para a experiência".



 
 
Powered By OneLink