Aprendendo e Utilizando o Padrão 802.11ac | NETSCOUT

Aprendendo e Utilizando o Padrão 802.11ac

Enquanto a demanda por largura de banda sem fio continua a crescer, as entidades responsáveis pelos padrões estão trabalhando com afinco para encontrar maneiras de criar mais capacidade.

O próximo padrão em destaque é o 802.11ac. Ele deve ser ratificado no início de 2014, mas já há produtos no mercado que oferecem suporte a ele, e outros os seguirão nos próximos meses.

Mas, o que o 802.11ac oferece? Ele promete:

  • Taxas de dados mais altas
  • Capacidade mais alta
  • Menos latência
  • Uso mais eficiente da energia

Ele faz isto através de um movimento para uma parte diferente do espectro e do desenvolvimento de algumas das tecnologias introduzidas com o padrão atual 802.11n. Estas são as principais coisas a notar para:

  1. Uma mudança na frequência{ut2 – } - 802.11ac ocorre somente na 5faixa de GHz. No momento, é uma faixa menos ocupada, portanto, deve haver vantagens significativas
  2. Canais mais largos - o 802.11ac ganha sua velocidade usando os canais com 80MHz de largura. Em uma segunda fase igualmente haverá a opção dos canais de 160 MHz. Contudo, isto significa que haverá menos canais disponíveis na faixa de 5 GHz. O número exato dependerá de seu país: até quatro canais de 80MHz na Europa, e até cinco nos EUA.
  3. Modulação e codificação mais altas - o 802.11ac introduz uma modulação de ordem mais alta, usando 256QAM. Isto aumenta o número de bits que podem ser codificados em um único símbolo e pode fornecer até 33 por cento de melhora nas taxas de bits.
  4. Beamforming – isto permite que os roteadores 802.11ac distribuam um sinal sem fio direto para um dispositivo, em vez de cobrir toda a área em sua volta. Isto foi suportado igualmente em 802.11n, mas é mais eficiente em 802.11ac.
  5. MIMO Multi-usuário - MIMO permite que mais de um sinal seja enviado e recebido ao mesmo tempo. O 802.11ac usará o MIMO multi-usuário para suportar transmissões simultâneas a clientes múltiplos, desde que estejam espacialmente separados. Isto maximiza a utilização da faixa de RF.
  6. Protocolo de segurança de GCMP – 802.11ac usará principalmente AES-CCPM, mas o 802.11ac também permite o uso de GCMP - o protocolo do modo de Galois/Counter. Cada bloco é autenticado individualmente, e isso significa que GCMP pode criptografar blocos de dados paralelamente, em vez de sequencialmente, reduzindo assim a latência. (Se quiser mais informações sobre isso, veja nossa postagem no blogue de 31 agosto.)

Esta é a tecnologia por trás do 802.11ac. Se você quiser ler mais sobre este assunto, donwload nosso documento técnico e aprenda o que o 802.11ac oferece, assim, você pode planejar seu futuro crescimento de WLAN com confiança.

Recursos WLAN relacionados
Transmissões ao Vivo pela Web: o desafio da aplicação 802.11 ac
Resumos Técnicos: implementando o padrão 802.11ac - evolução ou revolução?
Página de conhecimentos do 802.11ac

 
 
Powered By OneLink